Eu sou a louca das coleções, não que eu compre, mas adoro as parcerias entre as marcas incríveis e os estilistas tão incríveis quanto, sabe? E vou contar um segredo, não tenho muita paciência para seguir estilistas no instagram, o que não é o caso da Mary Katrantzou, eu sigo e dou like em tudo, verdade, babo em cada peça nova que ela produz.
voltando as coleções, acho demais essa expansão, as novas leituras e as parcerias entre os grandes, aqui no Brasil temos a C&A e a Riachuelo dando uma sambada no assunto, né? Trazendo galera de peso internacional e também dando um bom valor para marcas nacionais bem legais em coleções exclusivas e mais acessíveis nos magazines.
Mas vamos falar de mundo, ok? Pra mim, e que fique bem claro, PRA MIM, nenhuma marca tem feito isso tão bem quanto a Adidas Originals, eu já quis muita coisa, de Pharell a Rita Ora (voltando para os tupiniquins, quase todo mundo desejou as jaquetinhas da Farm com eles também que eu sei), mas nada, nunca, nenhuma coleção me deixou tão empolgada quanto a da Mary Katrantzou para eles, babem comigo:
Mary-Katrantzou-x-Adidas-Originals-le-Mont-Olympe-des-annees-80_w300
A Mary é Grega mas vive em Londres, faz as estampas mais incríveis que eu já vi e adora uma modelagem diferente. Rola trazer toda essa inovação para a linha antenadinha da marca esportiva? Não só rola como ela fez e fez lindo, diz aí? Longos, maxi casacos, vestidinhos, croppeds, todos com as estampas maravilhosas que a Mary faz quase melhor que ninguém. Vem ver tudo no site dela!
Se chega na Adidas originals aqui do Brasil? Não sei, mas a gente sabe que se vier, não vem tudo e ainda assim vem pouco, ou seja, se quiser muito, mas muito mesmo uma peça, liga na loja, descobre o nome do gerente e enche muito o saco, coloca o nome na lista, faz promessa, vira o santo, deixa de comer chocolate…sei lá.
Aliás essa é a típica coleção que me faz deixar de comer chocolate mesmo, pra ver se emagreço e caibo nas peças, né? Não tem plus, mas to até cogitando comprar algo como incentivo, acho justo comigo mesma!
=p

Quer conhecer mais do trabalho da Mary Katrantzou? Clica!

Um tipo de post que eu sempre quis fazer bastante por aqui e… enfim, raramente fiz, sempre foi o de indicação dos produtinhos que eu uso de beleza, vocês sempre me pediram e fui negligente, até hoje! Querem saber o que tenho usado na hora do banho? Vem comigo!

Rituals, Roger & Gallet, Natura, Hidratante, Banho, Sabonete líquido, Shower Gel, Esfoliante

1) Hidratante de banho Natura Todo Dia de macadâmia –  Sempre fui super desligada com essa parada de ter que passar hidratante, sabe? Agora que ele fica dentro do box não tem desculpa nem preguiça, sem contar a delícia que é sair do banho com a sensação que ele deixa na pele. De verdade, acho que todo mundo deveria usar, dura bastante e tem vários cheirinhos diferentes, a embalagem já foi renovada. Aqui!

Rituals, Roger & Gallet, Natura, Hidratante, Banho, Sabonete líquido, Shower Gel, Esfoliante

2) Sunrise Scrub da Rituals. Conheci a marca tem um tempo já, lá fora e fiquei super feliz quando descobri que eles estavam abrindo lojas aqui no Brasil. Para quem é de SP eu conheço as lojas da Oscar Freire e do Shopping Vila Olímpia (Parece que tem no Bourbon também!). O produto não é barato não (lá fora é bem em conta, o scrub sai por 7 euros!), mas esse esfoliante vale o preço e tem um cheirinho incrível de “tangerina”.  Para ver mais da marca!

Rituals, Roger & Gallet, Natura, Hidratante, Banho, Sabonete líquido, Shower Gel, Esfoliante

3) Foaming shower gel sensation – Eu nunca vi nada como esse produto, quando vc coloca ele na mão tem a textura de um sabonete líquido qualquer incluindo a transparência, mas ao entrar em contato com a água (e sua mão, logicamente estará molhada) ele automaticamente se transforma em um mousse de cor sólida. Tem um cheiro incrível e deixa a pele com uma sensação agradável de hidratação também! Costumo revezar entre esse e o da Natura. É meu produto preferido da Rituals!

Rituals, Roger & Gallet, Natura, Hidratante, Banho, Sabonete líquido, Shower Gel, Esfoliante

4) Gel Douche Roger & Gallet – Para tudo! Eu não sou muto fã de sabonete em barra e sou louca por cheiros e aromas, por muito tempo user os produtos de verbena de uma outra marca só porque o banheiro ficava todo cheiroso, como se eu tivesse tomado banho com um chá, sabe? Também não sou fã de cheiros muito doces, gosto de tudo que é mais leve e cítrico. Hoje, se alguém me perguntasse qual meu cheirinho de banho preferido da vida eu diria sem pensar duas vezes que é o Fleur D´Osmanthus da Roger & Gallet. Segundo a marca o cheirinho te transporta para um jardim chinês, se isso é verdade quero estar lá agora! Para saber um pouco mais sobre a marca e onde encontrar entre AQUI. Vale dizer já que tem na Drogaria Iguatemi e em todas as Onofres!

Rituals, Roger & Gallet, Natura, Hidratante, Banho, Sabonete líquido, Shower Gel, Esfoliante

 E você? Me conta quais seus produtinhos preferidos para a hora do banho? =)

Volta e meia em penso em acabar com o blog. Me vejo sem tempo, correndo, lotada de trabalhos, compromissos, amigos e chego a conclusão de que não tenho mais tempo para parar e escrever algo por aqui. Toda vez que esse sentimento me assola eu me apavoro, não quero deletar o Cabideiro, não quero que o blog acabe, ele é parte de mim, faz parte de um novo mundo que me trouxe uma nova vida social, profissional, emocional…

Eu sempre me cobrei e me julguei por não estar aqui todos os dias, e quando disse a mim mesma e à vocês eue eu definitivamente voltaria, não o fiz. Odeio pressão, e acho que odeio mais ainda a pressão que eu mesma me dedico, como foi o caso. O blog não vai acabar, ele vai voltar pouco a pouco, em conta-gotas e antes que vocês percebam estará aqui, do jeitinho que deve ser…

Cabide lindo, cute hanger, gorgeus hanger, cabide maravilhoso, cabide incrível, cabideiro, cabideiro lindo

É engraçado, até mais ou menos os meus 16 anos eu tive diários e agendas onde escondia a sete chaves todos os meus segredos, em códigos, trancados lá. Como a maioria das pessoas, detesto que mexam nas minhas coisas e confesso que sinto uma certa ira quando cogito uma invasão no meu mundo particular, ainda que isso signifique apenas o simples abrir de uma gaveta que guarde o que tenho de mais comum…

Mas eis que, de repente, pego-me com uma imensa vontade de tornar ainda mais público minhas contradições.

Desenvolvi um certo fascínio por esse compartilhar impressões com um mundo abstrato, de pessoas orgânicas e “sintéticas”, conhecidas ou não, que invadem todos os porões de memórias deste imenso mundo virtual, percebem meus sentimentos, captam suas sensações, entendem os problemas de um outro ou simplesmente me lêem, sem qualquer intenção…

O mais engraçado é que isso não faz com que eu me sinta constrangida nem vasculhada, muito pelo contrário, acho que assim é que eu encontro a minha liberdade. Tal vez não more em mim mais nada secreto.

São tantas máscaras e poesias, tantos Facebooks, blogs, Instagrams, Tumblrs, Google+ que a gente chega a se confundir e lógicamente confundir os outros. Para mim essa é a graça final.

  • Tem gente feliz, amando, compondo, apostanto no futuro, sonhando, ousando, apostando na esperança.
  • Tem gente se curando de dores, de amores, de decepções, de desencantos e desencontros.
  • Tem gente morna, em cima do muro, perdida, esquecida (de si mesma), com medo, sempre adiando.
  • Tem gente fragmentada, ao meio, inquieta, sombria, colando os pedaços.
  • Tem gente querendo esquecer e gente que quer lembrar pra sempre.
  • Tem gente brilhante, iluminada, acreditando que vai dar tudo certo.
  • Tem gente que afirma que sente todas as linhas de cima e não acha que é um exagero.
  • Tem gente que nem sabe como está.

Eu? Eu me encaixo no ultimo, sou um novelo de sentimentos, expressões e impressões.  Assim como esse blog, que vai ser bonito e feio, legal e chato, frio, morno e por muitas vezes vai queimar. Não existe graça em ser um só. A graça está na contradição, aonde a beleza das linhas vão trocando cores inevitáveis e necessárias (quase sempre!)